fev
27
2017
0

CONHECENDO SALVADOR DA BAHIA

Esta cidade que foi a primeira capital do Brasil Colônia, tem tudo para chamar a atenção. Com muita história…fundada em 1549, Salvador é um encanto da diversidade no nosso país, o Brasil.

Salvador, mistura de raças, credos, tem muito à oferecer. Aqui você sai com pacote cheio de informações, emoções, de saber, ver paisagens incríveis, ouvir histórias e muita música baiana, símbolo da alegria do povo, é muito Axé, Meu Rei!

Salvador da Bahia

Salvador da Bahia

 

 

 

 

 

 

 

 

A orla de Salvador, lindo cartão postal, vários Faróis, localizados em várias praias, Portos que recebem navios de cargas e Transatlânticos vindos de vários lugares, colorindo ainda mais a cidade de Salvador. As praias da orla de Salvador, rodeada de arrecifes de corais, faz com que as praias não recebam ondas fortes, e mudem a paisagem À cada maré. Com a maré baixa, formam piscinas naturais com águas mornas.

Farol da Barra

Farol da Barra

Farol de Itapuã

Farol de Itapuã

Conhecendo Salvador da Bahia, temos a cidade alta e a cidade baixa. A cidade alta, onde está o famoso Pelourinho, Centro Histórico de Salvador, Praças lindíssimas, Palácios, o Elevador Lacerda, que foi o primeiro elevador urbano do mundo, com 63metros, inaugurado em 1873, na época era o mais alto do mundo.

Elevador Lacerda

Elevador Lacerda

Muitas lojinhas, casinhas coloniais coloridas, colorindo o bairro mais famosos de Salvador. Comidas típicas como o acarajé, moquecas, bobó, entre outras tantas, são cômodas afro-brasileiras, pois os ingredientes foram trazidos na época da colonização, pelos negros africanos, que foram, trazidos como escravos, servindo e povoando.

No Centro Histórico de Salvador, no Pelourinho, há várias igrejas, lindíssimas, que não cansamos de olhar, ao longo da cidade também, com seus estilos, cerca de 372 Igrejas do Barroco ao Néo Clássico. Quase uma igreja por dia.

Igreja Centro Histórico

Igreja Centro Histórico

Igreja Pelourinho

Igreja Pelourinho

Pelourinho quer dizer uma coluna de pedra, localizada no centro de uma praça, onde os escravos eram expostos e castigados.

A Baía de Todos os Santos é a segunda maior Baía do mundo, e a maior do Brasil. A dimensão da Baía de Todos os Santos, tem aproximadamente a área do município do Rio de Janeiro.

Baia de Todos os Santos

Baia de Todos os Santos

Mapeavam todos os acidentes geográficos com nomes de santos do dia. Neste dia era primeiro de novembro, dia de Todos os Santos, deu-se o nome.

O Pôr do Sol é magnífico visto da Baía de Todos os Santos, ainda possui vários Fortes, Marinas, com seus luxuosos barcos ancorados, prontos para uma velejada ou passeio.

Terminal Marítimo de Salvador

Terminal Marítimo de Salvador

Forte São Marcelo

Forte São Marcelo

Não podemos deixar de falar na Ilha dos Frades, que está colocada na Baía de Todos os Santos. Uma ilha lindíssima para se conhecer, fazendo um  passeio de barco, praias lindíssimas. Possui uma igreja bem no topo do morro, a Igreja Nossa Sra do Loreto, no qual o visual é magnífico.

Ilha dos Frades

Ilha dos Frades

Das praias seguindo o litoral norte, famosa, bem conceituada, com belezas naturais, a Praia do Forte. É uma das jóias da Bahia. Na Praia do Forte está sediado o Projeto Tamar, que cuida da preservação das tartarugas marinhas e o Instituto Baleia Jubarte. Dois órgãos competentes, que desenvolvem trabalho de proteção e monitoramento desses aquáticos marinhos.

Praia do Forte

Praia do Forte

Vila da Praia do Forte

Vila da Praia do Forte

Estando na Praia do Forte, pode-se visitar os dois grupos Tamar e Baleias Jubarte, paga-se uma taxa de entrada. Há monitores guias que apresentam palestras sobre o assunto do instituto e fazem um tour pelas áreas de visitação. Fica-se encantado com o trabalho que os amantes da natureza fazem para salvar esses bichinhos aquáticos.

Projeto Tamar

Projeto Tamar

As piscinas e tanques do Projeto Tamar possuem tartarugas de todas as idades, que ali são tratadas para serem devolvidas ao mar. Algumas vezes algumas não conseguem se recuperar afim de voltar para os mares.

A ilha de Itaparica, a mais famosa da baía de Todos os Santos, e também é a maior ilha marítima do Brasil.

Ilha de Itaparica

Ilha de Itaparica

Estando em Salvador também não pode deixar de fazer o passeio para Morro de São Paulo, praia conhecida internacionalmente, localizada na Ilha de Tinharé, um dos paraíso da Bahia e da Costa do Dendê.

Morro de São Paulo

Morro de São Paulo

Toda a região litorânea da Bahia, era habitada pelos índios, de diferentes raças, por localidade se dividiam.

A Bahia possui praias belíssimas, muitas ainda nativas, outras vilinhas de pescadores, outras conhecidas turisticamente.

Todos os roteiros aqui relatados são feitos passeios na grande Salvador, onde cada dia pode-se visitar os lugares mais famosos de Salvador.

Aqui você encontra informações detalhadas sobre os passeios em Salvador.

 

 

 

 

Zulu Turismo
Tel: (75) 3652-1599 / (75) 3652-1358
e-mail: info@salvadorbahiabrasil.com
site: www.salvadorbahiabrasil.com
instagram:  @zuluturismo

Fotos: créditos Zulu Turismo

 

 

 

abr
04
2011
0

Um roteiro pela culinária de Salvador

Conhecer Salvador não é somente visitar seus pontos turísticos e suas belas praias. A capital da Bahia tem e oferece muito mais que isto aos turistas. Além dos atrativos naturais e pontos históricos e culturais, Salvador tem como destaque uma rica e saborosa gastronomia que não pode ficar incógnita para quem visita a cidade. Se você está com viagem marcada para visitar a capital dos baianos, prepare-se para além de se encantar com a beleza e a magia desta cidade, também se render aos sabores e aromas da terra de Jorge Amado, Caetano e de tantos outros artistas famosos.

A comida baiana está ligada às heranças dos antepassados que colonizaram Salvador, tendo forte presença dos povos indígena, negro e europeus (portugueses). A culinária da Bahia tem como marca principal o uso do azeite de dendê, da pimenta e de outros temperos típicos como o coentro. Portanto, para apreciar e provar algumas das especiarias baianas é preciso moderação para quem não está acostumado com temperos fortes e quentes. Para auxiliar você na hora de conhecer a culinária de Salvador e dar dicas dos melhores e mais conhecidos lugares que servem a comida típica, damos a seguir algumas dicas.

baiana de acarajé

baiana de acarajé

A primeira dica é sobre o acarajé, o mais famoso quitute baiano. O acarajé nada mais é do que um bolinho preparado com feijão fradinho ralado e frito no azeite de dendê. Como recheio leva vatapá e camarão. Praticamente em todas as ruas de Salvador existe uma baiana com seu tabuleiro vendendo acarajé. Dentre as mais famosas estão as baianas Dinha e Cira, ambas montam seus tabuleiros diariamente no Largo de Santana, no bairro do Rio Vermelho.

Além do acarajé, há várias outras comidas típicas, a maioria elaborada com frutos do mar. Destaque para as moquecas que podem ser feitas com peixes, siri, camarão, dentre outros. Ainda há outros pratos típicos como o bobó de camarão, vatapá, caruru e abará. Dentre os restaurantes mais freqüentados e famosos de Salvador especializados na culinária baiana estão o Solar do Unhão, que além da culinária baiana oferece um show folclórico; o Iemanjá, localizado na Praia da Armação, o da Dadá, a cozinheira mais conhecida da Bahia e muitos outros restaurantes situados nos hotéis da cidade, como os restaurantes dos hotéis Tropical da Bahia, Othon, Pestana e Villa Bahia, que servem cardápios com pratos típicos e cozinha internacional. Outra excelente dica para provar a comida baiana é visitar o Restaurante do Senac, que está localizado no Largo do Pelourinho. O restaurante é uma boa alternativa para quem deseja conhecer a gastronomia baiana, já que serve bufê de comidas típicas.

comida baiana

Na hora da sobremesa, num roteiro gastronômico por Salvador não pode faltar as típicas cocadas baianas, também vendidas em todos os tabuleiros das baianas. Mas há ainda outra delícia em Salvador que agrada a todos os soteropolitanos e os turistas: o sorvete da Ribeira. São dezenas de sabores oferecidos na Sorveteria da Ribeira, a mais antiga e conhecida sorveteria da cidade que em 2011 está fazendo 80 anos. O segredo de todo o sucesso é a maneira como o sorvete é preparado, artesanalmente e a variedade de sabores. Entre os sabores mais pedidos estão os a base de frutas típicas como o de mangaba, umbu, cajá, cupuaçu e o de tapioca. Então, pronto para montar seu roteiro gastronômico por Salvador?  Prepare-se e aproveite todas as delícias típicas e sabores desta terra linda, mágica e também saborosa.

 

Copyright © Salvador da Bahia